Depois de vos ter dado a conhecer o ClearOS Community e de termos iniciado a instalação, vamos hoje continuar com a configuração após a instalação efectuada.

Para continuarmos com as configurações restantes temos de configurar o IP de um outro computador nesta mesma gama de rede onde está o ClearOS, como por exemplo com o IP 192.168.1.201, para que desta forma possamos chegar ao ClearOS e efectuar as restantes configurações necessárias via web.

Uma vez configurado, acedemos à página de administração do ClearOS, que neste caso se encontra no endereço https://192.168.1.200:81 e deparamo-nos com a seguinte página onde colocamos os dados de login do utilizador root (que definimos anteriormente durante a instalação):

Configuração do ClearOS - Login na administração

Configuração do ClearOS – Login na administração

Depois de entrarmos inicia-se o processo de configuração que é bastante simples e passo a passo, neste primeiro basta avançarmos para o seguinte:

Configuração ClearOS - Início da configuração

Configuração ClearOS – Início da configuração

O seguinte passo é muito importante, pois é aqui que decidimos que função irá ter o nosso ClearOS. O objectivo é que seja Gateway, por isso escolhemos Gateway Mode e clicamos em Next.

Configuração ClearOS - Gateway Mode

Configuração ClearOS – Gateway Mode

De seguida é-nos apresentada a possibilidade de configurarmos as nossas placas de rede. Como já temos a nossa placa de rede principal funcional não vamos para já configurar nada neste passo. Vamos mais à frente configurar a nossa segunda placa de rede.

Configuração ClearOS - Placas de Rede

Configuração ClearOS – Placas de Rede

Passamos à fase seguinte para configurarmos os dados de DNS. Como servidor de DNS 1 coloquei o IP do meu modem/router. Mas tal como a configuração do ClearOS aconselha, coloquei também no DNS 2 e no DNS 3 os servidores de DNS da Google indicados.

Configuração ClearOS - Servidores DNS

Configuração ClearOS – Servidores DNS

No próximo passo é-nos dada a possibilidade de escolhermos o sistema ClearOS Community ou o ClearOS Professional (versão de avaliação), basta escolhermos a versão ClearOS Community.

Configuração ClearOS - Versão ClearOS Community

Configuração ClearOS – Versão ClearOS Community

De seguida é-nos mostrada uma lista de actualizações disponíveis para o ClearOS, convém instalar tudo. Basta avançarmos para iniciar a instalação de todas estas actualizações.

Configuração ClearOS - Instalação de Actualizações

Configuração ClearOS – Instalação de Actualizações

Configuração ClearOS - Instalação de Actualizações

Configuração ClearOS – Instalação de Actualizações

Configuração ClearOS - Instalação de Actualizações

Configuração ClearOS – Instalação de Actualizações

Ao terminar a instalação das actualizações avançamos para o passo seguinte, o registo do sistema. Não se preocupem, é gratuito. Este registo é obrigatório para que possamos instalar aplicações do Marketplace e para obtermos as mais recentes actualizações para o nosso ClearOS. A ClearOS mantém um registo na cloud de todas as aplicações instaladas, daí o necessário registo.

Se instalarem outra máquina com o ClearOS podem usar esta conta para registar também os dados dessa nova máquina/instalação. Se estiverem a reinstalar um ClearOS de novo podem usar a vossa conta para que sejam repostas todas as aplicações e serviços que estavam anteriormente instalados nessa mesma máquina.

Para continuarmos colocamos no formulário os dados necessários e clicamos em Create Account.

Configuração ClearOS - Registo

Configuração ClearOS – Registo

Configuração ClearOS - Registo

Configuração ClearOS – Registo

De seguida atribuímos um nome de domínio, Hostname e Internet Hostname. No meu caso coloquei myclearos.lan em tudo.

Configuração ClearOS - Domínio

Configuração ClearOS – Domínio

Configuração ClearOS - Hostname e Internet Hostname

Configuração ClearOS – Hostname e Internet Hostname

Definimos o nosso fuso horário:

Configuração ClearOS - Fuso horário

Configuração ClearOS – Fuso horário

De seguida vamos entrar no Marketplace, onde podemos navegar pelas aplicações e serviços disponíveis para instalarmos nos passos seguintes. Atenção que nem todas as aplicações e serviços são gratuitos.

Configuração ClearOS - Marketplace

Configuração ClearOS – Marketplace

De entre todos os serviços disponíveis existem dois que podemos marcar já para instalar. São eles o Web Acces Control e o Web Proxy. Com estes serviços podemos controlar o acesso à Internet definindo regras de acesso. Irei abordar esta funcionalidade num próximo artigo.

Configuração ClearOS - Filtro de Conteúdos e Proxy

Configuração ClearOS – Filtro de Conteúdos e Proxy

Avançamos até chegarmos à fase de instalação propriamente dita das nossas escolhas no Marketplace. Clicamos em Download and Install e aguardamos até que a instalação termine.

Configuração ClearOS - Instalação de Serviços do Marketplace

Configuração ClearOS – Instalação de Serviços do Marketplace

Configuração ClearOS - Instalação de Serviços do Marketplace

Configuração ClearOS – Instalação de Serviços do Marketplace

Uma vez terminada a instalação clicamos em Finish Install Wizard e ficamos na página inicial da administração do ClearOS, onde nos é mostrada alguma informação acerca do estado do ClearOS e onde podemos inclusivé desligar ou reiniciar o servidor.

ClearOS Instalado

ClearOS Instalado

Na barra de cima e na coluna do lado esquerdo temos um menu que nos dá acesso a várias opções do nosso ClearOS. Para já vamos então configurar a nossa segunda placa de rede.

É através desta segunda placa de rede que os vários computadores da nossa rede vão aceder à Internet, por isso esta placa de rede deve ser ligada a um router/switch ao qual também se irão ligar os computadores da nossa rede. Para terem uma ideia do esquema da rede aqui fica um esquema simples das ligações:

Esquema de Rede do ClearOS

Esquema de Rede do ClearOS

Vamos então entrar no menu Network->Settings->IP Settings. Clicamos depois em Add na nossa segunda placa de rede, neste caso a eth1.

Configuração ClearOS - Activar a segunda placa de rede

Configuração ClearOS – Activar a segunda placa de rede

De seguida colocamos os dados necessários à configuração da nossa segunda placa de rede. Optei por IP fixo, que a meu ver é a melhor opção, e activei o DHCP nesta placa, o que vai permitir que os computadores que se liguem nesta rede obtenham automaticamente um IP e as restantes configurações de roteamento. No final clicamos em Add. No meu caso coloquei o seguinte:

Configuração ClearOS - Activar a segunda placa de rede

Configuração ClearOS – Activar a segunda placa de rede

Cá temos as nossas placas de rede configuradas e funcionais. A partir de agora podemos ligar os nossos computadores na rede interna do ClearOS (disponível através desta segunda placa de rede) e gozar de toda a segurança que o ClearOS nos proporciona.

Configuração ClearOS - Activar a segunda placa de rede

Configuração ClearOS – Activar a segunda placa de rede

Não percam o próximo artigo, pois vou mostrar-vos como podem definir regras para o acesso à Internet com uma solução muito simples e que nunca falha 😉

 

Tiago Ramalho

Tiago Ramalho é um profissional de Informática interessado em Internet, Programação .NET e PHP e blogging. Nos tempos livres escreve nos interessespessoais.com sobre Jardim, Saúde, Sistemas, utilitários e outros temas relacionados com informática.

More Posts - Website - Twitter - Pinterest - Google Plus