Talvez uma das mais comuns enfermidades que ocorrem nos periquitos é o aparecimento de “sarna”, e é também uma das mais fáceis de tratar.

O aparecimento de sarna está normalmente relacionado com uma má limpeza e manutenção do espaço onde as aves habitam, ou por contágio, através de novas aves inseridas e que já vinham com a doença.

A sarna dos periquitos é causada por um ácaro – Cnemidocoptes pilae, que vai formando uma espécie de crostas. Aparece normalmente em primeiro lugar na face do periquito (olhos e bico).

Periquitos com sarna - infecção no bico e nos olhos

Periquitos com sarna – infecção no bico e nos olhos

Essas crostas são túneis onde os ácaros vivem e se desenvolvem.

As aves afectadas deverão ser isoladas, de forma a prevenir o contágio a outras aves, e podem ser facilmente tratadas.

Periquito com inicio de sarna a aparecer no olho

Periquito com inicio de sarna a aparecer no olho

Tratar a sarna dos periquitos

A sarna dos periquitos é um tema já bastante debatido no fórum da comunidade, onde podemos testemunhar, pelos relatos dos nossos utilizadores, que existe mais que uma forma para tratar a sarna dos periquitos.

Em todos os métodos, o tratamento da sarna dos periquitos passa pela aplicação de um produto nas zonas infectadas da ave. As zonas mais comuns são o bico e os olhos, mas em casos mais avançados podem encontrar-se nas patas e mesmo até no corpo da ave.

O ideal será aplicar um acaricida nas zonas infectadas. Podem ser encontrados no mercado acaricidas tanto na forma de pomada como de spray. Enquanto escrevia este artigo, fiz uma pesquisa na internet e encontrei um spray chamado Acarene e uma das pomadas mais conhecidas, chamada Dolemil. Estes produtos poderão ser encontrados com alguma facilidade nas lojas de animais.

No caso de não conseguir adquirir nenhum produto veterinário como os indicados, é possível ainda tratar a sarna dos periquitos com produtos mais comuns. Dois desses produtos que têm tido sucesso entre os utilizadores é a aplicação de um creme gordo ou vaselina. Estes irão tapar os poros das crostas, o que irá impedir a entrada de ar nas galerias onde os ácaros vivem, o que leva à morte dos ácaros e à crua da ave.

Outra forma ainda, também com vários registos de sucesso, é a aplicação de azeite morno (não aquecer muito, para não queimar a ave) em todas as zonas afectadas.

Tanto no caso da utilização dos cremes/vaselina ou do azeite deve ser efectuada diariamente, até o problema estar resolvido.

Evitar e prevenir o aparecimento de sarna nos periquitos

A melhor forma de evitar o aparecimento de sarna e outros ácaros e piolhos nos periquitos é através da desparasitação e desinfecção das instalações onde as aves se encontram, bem como das próprias aves.

Nas minhas aves e instalações costumo utilizar um spray da empresa Orniex, que se chama Sprayavex.

Além disso, será bom que as aves tenham oportunidade de tomar banho regularmente, existindo também no mercado gotas para colocar na água do banho para atingir o mesmo fim que o spray que costumo utilizar.

Se têm alguma ave com este problema, espero ter ajudado com este artigo. Partilhem com os vossos amigos do Facebook, pois nunca se sabe quando podem precisar desta informação.

Alberto Nunes

Alberto Nunes é um profissional de Informática interessado em pesca ao achigã, horta/jardim, Internet e blogging. Criou os interessespessoais.com como um projecto para os tempos livres, para divulgar algumas ideias e "matar" o vício de blogging.

More Posts - Website

Follow Me:
PinterestGoogle Plus