Tal como havia indicado no último artigo sobre a construção de uma sebe, na rega automática dessa sebe iria utilizar fita de rega.

A fita de rega tem algumas vantagens: rega mesmo com fraca pressão de água, já vem perfurada, neste caso de 20cm em 20cm, distribuía o caudal da rega de forma uniforme.

A principal desvantagem será o facto de apenas existir à venda em rolos muito grandes, o que a torna muito cara para pequenos projectos como este. No entanto, todas as grandes explorações agrícolas que regam com fita de rega, a substituem anualmente, apesar de ainda estar boa, pelo que não será difícil conseguir alguns metros junto de uma dessas explorações (seja como for ela acaba por ir para o lixo…) para o nosso projecto. 😉

Assim, neste projecto de implementação de um sistema de rega gota-a-gota com fita de rega o material que utilizei foi:

Rega gota-a-gota com fita de rega - material utilizado

Rega gota-a-gota com fita de rega - material utilizado

A – ligação automática para mangueira de jardim

B – boquilha de torneira para ligação automática para mangueira de jardim

C – união com rosca (enroscada na boquilha B) e ligação a cano de 16mm (como o cano utilizado neste projecto)

D – abraçadeiras rápidas para fixar a fita

e ainda:

– 35 m de fita de rega com perfurações de 20cm em 20cm

– um pedaço de cano de 16mm (como o cano utilizado neste projecto)

Comecei por ligar todas as peças como mostra a imagem anterior. Na peça C liguei em primeiro lugar o pedaço de ano de 16mm, e posteriormente introduzi o cano dentro da fita de rega, de forma a que esta ficasse mesmo à conta, acabando finalmente por a fixar com as abraçadeiras rápidas. E pronto! O resto foi só esticar a fita ao longo da sebe!

Rega gota-a-gota com fita de rega - pormenor da perfuração

Rega gota-a-gota com fita de rega - pormenor da perfuração

Entretanto, e como indiquei no inicio, a fita de rega está preparada para regar com uma baixa pressão de água… Pois é, um pequeno descuido ao abrir a torneira e poucos segundos depois a fita rebenta!

Ainda bem que existe à venda “ligadores” ou “uniões” para ligar a fita:

Rega gota-a-gota com fita de rega - ligador

Rega gota-a-gota com fita de rega - ligador

Mais uma pequena intervenção:

Rega gota-a-gota com fita de rega - ligador em aplicação

Rega gota-a-gota com fita de rega - ligador em aplicação

Rega gota-a-gota com fita de rega - ligador aplicado

Rega gota-a-gota com fita de rega - ligador aplicado

Para que o mesmo desastre não voltasse a acontecer, além de não voltar a abrir a torneira no máximo, apliquei também na sua saída uma peça redutora de pressão, que tinha vindo com os programadores de rega que já havia comprado anteriormente:

Rega gota-a-gota com fita de rega - redutor de pressão

Rega gota-a-gota com fita de rega - redutor de pressão

Feito isto, estava então definitivamente concluído o trabalho de implementação da fita de rega.

Aqui fica uma foto do aspecto final:

Rega gota-a-gota com fita de rega - aspecto final

Rega gota-a-gota com fita de rega - aspecto final

 

Para concluir e vos transmitir uma ideia concreta do funcionamento deste sistema, deixo-vos com um vídeo com o sistema em funcionamento:

Dúvidas ou comentários utilizem o formulário no final da página.

Se este artigo vos foi útil ou o acharam interessante, não deixem de o partilhar com os vossos amigos 🙂

Alberto Nunes

Alberto Nunes é um profissional de Informática interessado em pesca ao achigã, horta/jardim, Internet e blogging. Criou os interessespessoais.com como um projecto para os tempos livres, para divulgar algumas ideias e "matar" o vício de blogging.

More Posts - Website - Pinterest - Google Plus