Depois de na semana passada ter finalmente montado a nova estufa de jardim, ontem foi dia de estrear, com a plantação de alguns vegetais.

Antes de começar, tive que preparar algumas coisas.

A primeira coisa que fiz foi passar pela estufa do meu pai para conseguir alguns vegetais em condições de transplantar (alfaces, salsa, tomates), isto porque queria ter já algumas plantas na estufa que dessem para comer o mais rápido possível. Claro que também tenho sementes de alface, coentros e salsa para semear, mas queria ver logo “coisas verdes” lá dentro! 🙂

Vegetais para plantar na estufa de jardim

Vegetais para plantar na estufa de jardim

Em segundo lugar, tive que arranjar recipientes para plantar os vegetais. Tinha guardado alguns vasos de uma vez que tinha comprado plantas para fazer uma sebe no jardim, mas isso iria dar muito trabalho para semear. Precisava de algo mais amplo, tipo um tabuleiro… Foi aí que entraram uns garrafões de água que tinha guardado a um canto sem saber muito bem porquê… “ainda vão dar jeito”, pensei na altura em que os amontoei num dos cantos da garagem…

Cortei uns ao alto e outros ao meio. Os que cortei ao meio vão dar para plantas que necessitem de mais espaço, e os que cortei ao alto vão ser os tabuleiros para semear as plantas que depois serão transplantadas para a horta ou para os vasos.

Garrafões cortados ao meio

Garrafões cortados ao meio

Garrafões cortados ao alto

Garrafões cortados ao alto

Em terceiro lugar, arranjei uma bancada para trabalhar. Tinha cá por casa uma armação que é perfeita para encaixar um grande tabuleiro onde posso colocar os vasos, as plantas e todas as ferramentas de que necessito para cuidar da estufa. Terminei a etapa das preparações com uma ida ao pinhal para obter terra com boa matéria orgânica para encher os recipientes a plantar.

Tudo preparado para começar a plantar na estufa de jardim

Tudo preparado para começar a plantar na estufa de jardim

Coloquei então todas as plantas dentro do tabuleiro, para ter uma ideia de quantas tinha:

Alfaces para plantar

Alfaces para plantar

Depois foi começar a sujar as mãos!

Encher vasos com terra

Encher vasos com terra

Já com algumas alfaces plantadas nos garrafões e nos vasos:

Alfaces na estufa de jardim

Alfaces em garrafões na estufa de jardim

No caso das alfaces, é possível tê-las em vasos até atingirem o tamanho adulto:

Vasos de alface

Vasos de alface

Depois de plantadas as hortaliças, fiz ainda uma pequena sementeira de alface. Desta forma, daqui por algum tempo terei mais alfaces prontas para transplantar para os vasos, enquanto que as que plantei agora crescem e ficam prontas para colher…

A ideia será semear  apenas 5 ou 6 alfaces por semana, conseguindo dessa forma ter, daqui por algum tempo, alfaces em todos os estados de desenvolvimento, o que vai permitir no futuro ter uma produção de alfaces frescas sempre à mão! 🙂

Vista da zona de trabalho da estufa

Vista da zona de trabalho da estufa

Além das alfaces, plantei ainda salsa e tomates. As restantes hortaliças (couve, nabo, cebola) foram plantadas directamente na horta.

Vista final da estufa depois de plantada

Vista final da estufa depois de plantada

No final dos trabalhos a estufa ficou praticamente composta.

Aproveitei ainda para semear algumas bolotas de sobreiro e fazer uma experiência com túlipas, a qual pretendo partilhar convosco nos próximos dias.

Alberto Nunes

Alberto Nunes é um profissional de Informática interessado em pesca ao achigã, horta/jardim, Internet e blogging. Criou os interessespessoais.com como um projecto para os tempos livres, para divulgar algumas ideias e “matar” o vício de blogging.

More Posts - Website - Pinterest - Google Plus

  •  
  •  
  •  
  •  
  • 4
  •  
  •